Delegado diz que crimes ocorridos na cidade de Laje podem estar ligados a vingança

sábado, 14 de março de 2015

O índice de violência vem crescendo na zona rural da cidade de Laje, em menos de 24h, quatro pessoas foram assassinadas, sendo que três destas pertenciam à mesma família que residia na localidade do KM 17. O município demarca uma densidade muito grande em área rural chegando aos limites de outros municípios como a cidade de Jaguaripe. Onda de assaltos vem crescendo continuamente onde o contingente policial é bastante precário o que vem facilitando a ação de bandidos.

 Em entrevista ao Portal Voz da Bahia, o Coordenador da 4ª Coorpin, Dr. Paulo Guimarães, disse que um elemento suspeito foi detido na tarde desta sexta-feira (13), no entanto a autoria do crime não está elucidada, “o individuo prestou depoimento e nega seu envolvimento na ação. Ele confirma que tinha um relacionamento amoroso com uma das vítimas. Estamos ainda em processo de investigação e tão logo este bárbaro crime será solucionado”, afirma.

Ainda não estão confirmadas relação em crime passional ou envolvimento com o trafico de drogas, mas de acordo o delegado, estas duas hipóteses não estão descartadas. Em relação ao crime ocorrido nesta sexta-feira no KM 22, localidade próxima à última chacina, Guimarães acredita que não há paralelos entre as ações e salientou que houve assaltos naquela região e confirmou que a vítima pode ter sofrido o que se chama queima de arquivo, “uma quadrilha que agia na região foi presa nos últimos dias e acreditamos que possa ter sido queima de arquivo ou vingança. Não estamos descartando nenhuma possibilidade, mas o processo de investigação continua”, concluiu. (Nota do Mídia Bahia)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
 

Copyright © Site Binho Locutor 2016.